5 de setembro de 2012

Live Me Alone

Ilustração Maria Tereza Penna
Ela estava se apagando enquanto chorava ao som da magia...
E era azul arrocheada...
Só restou um pontinho escuro ao pé da vela


Não faça como Clint
Eu não tenho onde jogar as cinzas
A Ponte não está  lá... 
Live Me Alone
Fique com a certeza ...Fique com a Pulseira
Mas não leve o que está em mim.
Live me Alone!
Não posso me separar do que já está mim.
Eu me perderei no caminho
Não sou peregrina como Paulo
E não tenho vocação para Maria Madalena
Eu só quero ficar com o que está em mim...
Leve tudo
Que foi seu, que não é seu, mas o que está dentro deixe.
Arde...
Não sobreviverá fora...

Deixe nascer...
Eu lhe imploro:

Live Me Alone!
Seja generoso apenas...
Faça como a morte
PS: Você é muito mais que conseguiu mostrar...
Eu mostro mais que sou...

Nenhum comentário:

MINHA FORTALEZA


VOLTA PRA MIM!!!
MESMO QUE ESTEJA EM OUTRA DIMENSÃO!!