25 de outubro de 2020

Admirável Mundo Novo

A impressão que eu tenho, ou a que me sobra é que estamos assistindo a presença de dois mundos simultâneos. Um para as mutações genéticas e outro com sobreviventes naturais ou o inverso. Não sei. Como em Admirável Mundo Novo. Será que teremos escolhas lúcidas ou ideológicas? Mundos Pré Fabricados. Eu vi um anúncio de Casas Pré-Fabricadas.e comecei a pensar.... Seremos criaturas Pré-Fabricados no futiro, ou sempre fomos? O livre-arbítrio sempre teve suas premissas além das responsabilidades... Aff

23 de outubro de 2020

Que que é Isso Minha Gente! Ou Lifes, Lives e Loves....

 


Em 1997 no IRC, e no ICQ em 1998, se você comentasse coisas sobre contatos ou relacionamentos virtuais, te olhavam com cara de assustados.

Existiam salas de bate-papo para incentivar conversas. Era tudo muito novo. Novos mundos, novos portais se abrindo a toda hora.

Me lembro de estar fazendo terapia em 2006, para aguentar mudanças que a vida nos impõe durante seu percurso. Filhos, um relacionamento afetivo não satisfatório, uma doença repentina,algumas perdas e outras contingências, podem fazer você procurar um analista para amenizar as surpresas que os anos nos traz.

Me lembro dos olhos assustados do analista, quando mencionei o ICQ em 2004 que frequentava desde 1998, ou antes. Eu imprimia para mostrar a prova do que ele acreditava ser minha imaginação.

Posteriormente em 2009 ao mencionar Twitter, Facebook, e um Blog que eu tinha no Google com mais de 100.000 visualizações e um site, o yesbananas no geocities do yahoo, que saiu do ar com 1500.000 visualizações, me encaravam como maluca.

O analista em 2006 ao mencionar o site e depois o blog, nunca se disponibilizou para entrar e conferir.

Já morreu e deve ter morrido antes das mudanças que estamos vendo.Antes mesmo de bater as botas.

Anos de internet me fazem questionar esse tanto de Lives.

Parece que não conhecem melado e quando comem se lambuzam.

Essa reviravolta para o mundo virtual, esse tanto de caras e bocas, para os mais sensíveis está sendo algo de uma violência que beira a invasão de privacidade.

Desconheço TVs que possuam na programação tantas atividades e desenvolvimento de temas ao vivo e a Cores.

E Todos querendo se mostrar de uma vezada só!

Que que é isso minha gente?

A impressão é que estamos num "Centro Espírita" (com todo o respeito que os locais e a religião merecem), e todas as almas ávidas por oportunidades de se manifestarem.

Me lembra a Whoopi Goldberg no Filme Ghost.

PORTAIS que se abrem para a passagem de seres virtuais, ou "Espíritos" se manifestarem.

Parece um UMBRAL. 

O mundo nunca mais será o mesmo. Quem disse que o  mundo acabou, estava corretíssimo.

Os profetas do apocalipse estavam todos certos.

Entramos em outra dimensão e o reconhecimento dos universos paralelos, veio explicar muitas coisas.

Lutando contra uma Pandemia, como já existiram outras na história humanidade e em busca de antídotos e vacinas seguimos preocupados com soluções para a sobrevivência sustentável e consequentemente nosso destino neste planeta.

A degradação ambiental continua, a invasão da privacidade, os julgamentos das pessoas e as FakeNews, a antiga fofoca cometem os mesmos crimes de tempos atrás.

As doenças advindas do desequilíbrio da natureza, ou melhor, natural, estão mostrando que a existência precisa ser revisada.  O Excesso sempre foia causa de todos os males.

Eu, uma produtora rural, que produz verde e água para continuar a viver da Crença na Arte, continuo a descobrir novas experiências para serem vividas, porém essa poluição de personalidades solicitando visualizações é perturbadora.

Fazer Arte é intimo e transcendente. Só enxergo a Arte de dentro para fora e do ambiente ´para dentro. Ambiente real, ou imaginário ou mágico.

Aprendendo que a Comunicação é importante e extremamente necessária ao Ser humano ou à humanidade inclusiva para a sobrevivência, mas não me sinto confortável diante desses atropelos invasivos.

Ótimo ter Liberdade de Escolhas, mas a toda hora abre algo sem sequer clicarmos para assistir.

O Excesso se transforma em vaidade. E ninguém está imune ao prazer do exagero. Eu também sou mais uma pecadora a espera do Salvador que trará consigo, a Tranquilidade  e a PAZ que todos almejamos.

Bom, já sabemos o que somos capazes de fazer trancafiados há 8 meses em casa.

De qualquer forma desejo a todos um Axé e digo mais: Saravá meu Pai, Amém!




1 de outubro de 2020

Atras da Arvore


Varias interpretações. Abrace uma arvore, proteja s sua arvore, se Proteja, esconda÷se! 

Tem um ditado que não me lembro: Diz sobre  as vergonhas ficam de fora hehe. Me lembrei de minha filha nais velha. 

Brincávamos de esconde esconde, e quando a gente ia procurar ela estava visível, sentada confortavelmente de olhos fechados. 

Se fechasse os olhos não seria encontrada. Parece o que estamos vivendo hoje. Nunca vi tantas caras e bocas implorando para continuarem vivas. Um umbral... aff. 

E eu continuo criando imagens e escrevendo pelas paredes virtuais..Leia quem quiser , veja quem desejar... Quem procurar. 

Agradecendo ao Universo a oportunidade de continuar me sentindo viva. 

Aprendendo que o que chamamos de "Deus cuida". Ele diz: Faça por onde que eu te ajudarei..   

Ontem fui a um supermercado e me arrependi  Ninguém respeita o distanciamento. De mascaras mas todos se esbarrando.... Como o excesso de imagens e vozes que estamos recebendo. Eu nunca havia ouvido nada, nem visto nada a não ser em sonhos... Agora estamos vendo e ouvindo.. Um celular, um portal... 

Precisamos nos cuidar. Aprender a escolher ...Mesmo que a bunda fique de fora..  

Já sonhei, antes de crescer e depois de  .grande sobre isso... Procurando proteger minhas intimidades.... Que coisa! Um urso atrás de uma árvore que amanhã pode não estar mais ali... Um fosforo em mãos irresponsáveis pode expor a sua bunda!

 E questiono,; A cultura da Bunda é ancestral. Ela colonizou e ocupou as mentes que dirigiram o mundo em que vivemos. E como tudo tem dois lados como a bunda, tudo tem duas partes que o mundo julga como o Bem e o Mal.... 

Só posso terminar com um: Viva a Bunda! Tem o dia da Bunda no calendário Universal? Hahaha! Vamos rir e chorar. De felicidade ou de tristeza. É a nossa sina na vida... Viva La Vida!

14 de setembro de 2020

A Menina que escreve Cartas


A Menina que Escreve Cartas é um livro virtual que se pretende interativo.
Onde pessoas possam se expressar e registrar novas histórias.
Aguardando novos episódios que motivarão pessoas a lerem mais, registrarem suas aventuras e a acolhida de novas amizades. 


19 de agosto de 2020

Arte

Acordei meditando:
Por mais que sonhemos a natureza seguirá fazendo uma seleção natural.
Ela não julgará através da virtude. Fará pela Sobrevivência da vida. Redundante a expressão Sobrevivência da vida. Seguiremos na fé na crença, ela pode alterar e transformar.  Porém a natureza é implacável quanto a força e aptidão.
Façamos a nossa parte para que a essência e o espírito seja a premissas para a manifestação do sublime. Creio que isto seja a arte.
A transformação é arte.

15 de agosto de 2020

Maria Tereza Penna

13 de junho de 2020

Respeito

Abusos acontecendo com o aval da Justiça.
Nos Estados Unidos milhões de pessoas estão nas ruas protestando contra os genocídios. 
Me lembram as focas, os pinguins e os que respeitam e sobrevivem da terra.

9 de junho de 2020

A Vida é Bela

Não entendi porque s NASA custou a afirmar que existe o Universo a Paralelo
 Todos nós temos . E viver belo pode ser nossa escolha ou a do outro. E também Chaplin foi uma nave de transporte colorida de infinitas cores que nós enxergamos em Preto e Branco. O Humor e a Gentileza são Universos paralelos que se cruzam.
 


21 de maio de 2020

Eureka!

Estou escondida atrás da porta como quando tinha 5 anos. Era véspera de Natal.
Eu sempre ganhava presentes que me encantavam e me faziam agradecer brincando e rindo pela sala. Me lembro bem.
Não são só imagens. São sensações ressucitadas e novamente revividas.
Nunca me bastaram a alegria e a felicidade do momento. Era tão bom que me faziam querer saber de onde vinham. De onde surgiam e que provocavam emoções vibrantes de contentamento e liberdade.
Nunca me bastaram somente a gratidão.
Eu sempre quis saber o porquê.
Sempre questionando de onde vim, para onde vou, buscando um caminho para encontrar comigo mesma. Quem sou? O que estou fazendo?
E anjos sempre surgem. Anjos que confortam, anjos que se zangam as vezes, anjos que né fazem rir, anjos que pregam peças, anjos exigentes que ensinam com severidade e outros que pegam em nossa não e nos conduz.
E isso me intriga. Por quê?
Será o medo de perdê-los?
Será o medo de saber que não existem?  E que nunca mais voltarão se eu encará-los?
Não me basta sentir o amor e s gratidão.
Sempre atrás das portas para me certificar que Papai Noel virá num trenó com suas renas e postará meus presentes  sobre o pé da árvore de neve.
Meu avô exigia a brancura da neve.
Porém, no fundo eu desejava era surpreender os que colocavam meus sonhos ao pé da Árvore.
Me recordo que passei a noite inteira atrás da porta. Me deixaram no chão atrás da porta, era verão mas creio que foi para que eu aprendesse a lição; Enquanto você ficar tentando entender, tentando ser desincha prazer, vai dormir no chão atrás da porta.
E quando abri os olhos e vi bolas, bonecas e cores que me faziam pular de satisfação. Abracei meus sonhos que estavam a minha espera.
Porém até hoje me pergunto: Eu ficaria mais contente com a descoberta de meus pais junto montando a pilha dos presentes? Adoraria ver a cara deles quendo soubessem que eu estava a busca da verdade. Chorando e rindo enquanto escrevo.
Eu sou discípula do anjo Pregador de Peças a espera do prazer de dizer: Te peguei com a boca na botija!
E sigo buscando entender a verdade.
Eu sou adepta do : Eu Hein!
Me oferecem castelos nas brumas de Avalon, mostram caminhos livres para seguir e até o que eu penso e escrevo como agora: Um quarto onde eu  possa realizar e conceber. O quarto tem portas que se abrem para os céus, para uma floresta verde com o silêncio dos ventos, canto dos pássaros e águas puras,  outra se abre para  que eu aprenda com lições necessárias para a sobrevivência.
Talvez apenas viver o presente me faria acreditar e agradecer.
Sentir gratidão pela vida é a grande lição para entender o Amor.
É a dádiva maior que os anjos nos oferecem.
 E em vez de Eu Heim! Eu grite: Eureka!





O aprendizado e s consciência nós liberta. Que a verdade aliada ao conhecimento sejam as chaves para o discernimento e a sabedoria. Estamos construindo realidades Universos particulares. Que convivência na coletividade seja para a concretização de um mundo melhor.


20 de maio de 2020

Rever para Seguir

Estou cansada. Pessoas tendo de buscar deveres, para Casa nas escolas. Gastando muito mais. Estão usando a estrutura da pessoa, local da pessoas, internet das pessoas e alguns locais nem aula online. Vendo pais de crianças concordando a pagar o mesmo valor e esses governantes não estão nem aí. Estão cobrando o mesmo valor mensal com qual justificativa? As redes não estão nem aí. Para a justiça pouco importa o cidadão comum. Para os grupos pouco importa. Se for poesia, se for artes plásticas só artes plásticas., Se for de agricultura, só agricultura. Pouco importa se diminuíram o salário do professor e cobram do aluno mesmo valor. Quem são esses oportinistas? A linha de frente então é a internet. Se não pagar ou não tiver como acessar, você é um Pária. Estão torturando pessoas com cobranças indevidas. Obrigando-as a pagar o que não escolheu. Cadê a justiça? Pagando pelas aulas online o mesmo que pagava em uma escola. O governo precisa ser processado. Pessoas com direito aí benefício sendo excluídas por fascistas,  grupos com ideologias genocidas e arbitrária que estão alimentando bancos de dados e excluindo arbitrariamente. Prestem atenção. Estamos restritos a grupos. Vivendo em grupos ligados pela internet. No Brasil é paga e cara. Estão excluindo o Brasil Países com mortalidade muito maior está manipulando dados e colocando o país inviável. Estamos na eminência de máscaras, luvas, e governantes insensíveis e bizarros  Precisamos sobreviver e  sob a governança de  Mercenários,  de " Desposta s totalitarios" espalhados  pelos cantos com suas ditaduras redundantes.
E ninguém se manifesta. Ninguém quer ver e buscar justiça. Como recomeçar sem olhar para trás e ter um futuro pela frente? Agora entendi uma Mulher.. A de Ló E as pessoas acreditarem na volta do Filho de Deus que se fez homem, acreditar na vinda ou Volta do criador, ou não acreditar num Salvador, não podem continuar.ignorando que somos parte de um imenso grupo. Infinito em sua essência. O Sal não será direito e nem pagamento pela vida. E o valor da vida continuará médido e equivalente não ao Suor do teu rosto, porém no salário a que avaliarem seu preço. Sobrevivam! Façamos a nossa parte  acreditando que não nos tornaremos uma estátua de sal. " Quem não olha para trás, não pode mesmo ir longe.
"O Pequeno  Príncipe"

María Tereza Penna

18 de maio de 2020

Criando ou Recriando Universos

Fico imaginando várias lâminas infinitas saindo de um ponto zero de formas lineares transversais planas criando volumes em expansão.  Geométricos. Esfericos, planos criando volumes em expansão. Desde que comecei com geometria espacial. Até chorava de emoção. Então acreditar que a terra é redonda, é plana, são escolhas. Escolhendo em que ponto você está. Em que ponto você existe. Não digo em vida, digo em existência..m Sobre viajei nessa maionese. Sempre me emocionou. Compartilhei o pensamento e a emoção. Não me importa o que pensam Eu tento mostrar através do que crio. Ou sei lá, apenas imagino. Desde jovem sou fã dessa "Holografia"  AFF. Mas é a minha percepção. E está contida em tudo. Nas flores, nós insetos e até nesse Corona Vírus.

28 de abril de 2020

Formas de Amor

Coisas que aprendo com o Canal Off:

Se me perguntassem sobre o amor eu diria. Amor Coragem: Surf. O amor do Homem pela Natureza. Corpo a Corpo. Força e Prazer.
Sobre o de Amantes eu diria: Amor do Filho  por suas Marias.
Amor Trindade:
Do Pai por sua criatura.
Amor Ágape:
Do Ser pelo Universo.
Expansão da Existência...

13 de fevereiro de 2020

Projeto "Arca de Noé"

Essas chuvas torrenciais que estão
caindo aqui na região sudeste, provocam "Mania de  Perseguição" e crença nas "Teorias Conspiratórias".
Eu cheguei a afirmar que foram provocadas para salvar a Austrália do incêndio fatal. 
E vieram cair aqui. Caiu tudo aqui. 
Quem sabe é o projeto Arca de Noé?
Hehehe. Rindo das tragédias até virarem comédias!

11 de fevereiro de 2020

Possible Dream

Estão encontrando novas formas de vidas, não só genes em mutação. Não há um só código genético para o Universo. Nem sei se a palavra Universo seria a ideal. É algo transcendental. Pretensão nossa decodificar tudo. E do jeito que vai não há só uma linguagem ... Há novos universos relativos. Fora do falso ou verdadeiro. Será que a linguagem binária faz parte de apenas um Universo? Define apenas um deles ? Decodifica todas as possibilidades?  E outro? Seria o Caos ou a redenção? Qual seria o símbolo verbal do outro? Universo binário um e o outro? Universo relativo? Universo em criação. Ou .... Desuniverso? Só a Emília de Monteiro Lobato sabe a resposta. Vou ter com ela para que me diga o que as possibilidades podem fazer? Universo das Possibilidades. Poseidon? Vou me encontrar com a Emília. Ela tem a resposta na ponta da Língua. Talvez a resposta seja PQP! PQP! PQP! Pppp PPP LLPppp Linguagem do PQP! Acho que já conversei por essa linguagem e nem sabia!. Já conheço a linguagem VM. Ou vivo, ou morto! Mas sei que existem novas referências e novos alfabetos e novas tabelas periódicas. Quais serão os novos Alfabetos que ocuparão as tabelas periódicas? Pois existem tabelas sem períodos. Fora do tempo e do Espaço. Como diria a Emília: Tabela desregrada. Tabelas anarquistas! Anárquicas!
A mulher conhece muitas delas, porém, nem todas! Vou tomar o
um chá com a Emília.!
Ixi Ela vai tentar fazer chá de Pirlimpimpim. Não estou preparada para m
 essa estripulia. 
Tenha piedade Emîlia!

5 de janeiro de 2020

Sobre Arte

Pensando sobre Arte.
Arte não é missão. 
É necessidade.
Se faz por necessidade. A presunção é que é o bicho. 
A arte acontece. Acontece no artista. Não na intenção. É inerente, é sobrevivência. 
A arte faz parte do universo. Está na natureza e em tudo que existe de forma natural. Seja com que ferramenta for, independente do tempo e do espaço. 
A presunçãoé própria do Ser Humano, mas não é premissa da arte!





Paz para Todos!

Eita dia! 
Tentei dizer o que eu penso sobre livros didáticos na era da internet, dos sites de busca. Não falei que continham letras demais..  Disse que devemos procurar e tirar nossas próprias conclusões além dos livros didáticos. Falei sobre as várias extensões e dia sites de busca. 
Disse também que devemos procurar  embibliotecas,  outros lugares que tenham livros, conversar com pessoas, interagir se quisermos conhecer a verdade sobre temas e outros assuntos quaisquer.
Perguntei sobre os Aborígenes da Austrália. Disse que não ouvi ou vi pergunta alguma sobre os Aborígenes. .. 
Durante o incêndio na Amazônia também não vi perguntarem pelos índios. 
Creio que cada um tem sua realidade e seu interesse. S
ela concreta ou virtual.aprendendo com a NET.
Falei sobre as desigualdades e sobre valor do trabalho.
E questionando Redes Sociais, liberdade de expressão, de escolga e outras formas de manifestação e interação. 
Sigo pensando sobre...
Paz a todos!

4 de janeiro de 2020

Peace for Peace Já


29 de dezembro de 2019

Brincando Sério

O Universo está ficando tão íntimo que se deu ao luxo de brincar comigo.
Eu permiti e espero que ele tenha tanto humor quanto eu.
Eu não estou dando gargalhadas, mas estou levando com espirituosa dignidade a façanha. 
Aprendendo a lidar com imprevistos e como lidar com perdas emocionais, materiais e opcionais. 
Sem gargalhadas, porém com bom humor!
Eita intimidade exarcebada!
Direito a sorrisos e Smiles!
Vou precisar de Slimes!



27 de dezembro de 2019

Aceita uma Banana aí?


O que Vier Eu Traço

Estamos precisando de um pouco de Malandragem. Malandragem brasileira. 
O que vier eu traço! 
E vamos seguindo Traçando as metas contornando as pedras no caminho Aprendendo a Renascer Brasileiro. 
Tirar de Letra... 
Vamos dar uma Banana? Pode ser a de braços! Tá valendo... 
Preparando para 2020. 
Quem sabe com direito a : Aqui procê Oh!


25 de dezembro de 2019

Livros ou Tablets?

O Suporte importa muito.
Se você estiver absorto, lendo um livro em um ônibus, você está viajando para novas paragens.
Se você estiver lendo um e-book, vendo um vídeo no YouTube, lendo reportagens, ou exercitando a mente concentrado em um jogo, você estará seguindo vários caminhos em direção ao inusitado.
A diferença é:
Com o livro, ninguém te olha cobiçando seu suporte 
Com o celular na mão, pode ter a certeza que será roubado.
O que está valendo é o prêmio da cobiça.
O valor do suporte se mede pela atração, não pelo conteúdo.

Pensando Sobre

Quando estou lendo um livro, o mundo pode desabar ao meu lado que eu não percebo.
Quando estou criando algo, fazendo, me esqueço de tarefas cotidianas.
A gente enaltece leitores em ônibus.
A Concentração que algumas artes nos pede e nos oferece outros mundos e inúmeras possibilidades é elogiada e reverenciada.
Porém vejo críticas aos celulares.
O Conteúdo é que deve ser interessante e consciente, não os suportes.
Quando surgiu a primeira caneta, ela foi criticada? Alguns tem o direito de usar canetas ou penas. Será?
Escritas com pedras, lascadas ou lapidadas, num teclado, podem acontecer.
Runas ou holografias...
Livros de papel ou celulares?
O que impede o contato?
Vamos fazendo e acreditando...

22 de dezembro de 2019

Céu de Celta


Reflexão

Reflexão sobre meu Céu de Celta e meu texto Gratidão

Sonhos Reais

Quando fazemos o que amamos, sentimos satisfação.
Quando fazemos o necessário, sentimos saciedade.
A Vontade nos torna capazes.
O Sentimento nos transforma em  humanos.
A Sabedoria nos oferece o discernimento para descobrir entre caminhos.
A Perseverança concretiza sonhos.
E a Paz se manifesta na Fé que nos conecta com o essencial.

Gratidão

Comer algumas amoras quando os pássaros deixam.
Comer mangas que as moscas não disputaram...
Esse ano não competiram. Sinal que outras paragens estão sendo mais atraentes.
Que há mais opções.
Que há espaços para todos os seres viventes.
A necessidade para a sobrevivência agradecida e saciada 
Quando a gente colhe, apreende o sentido da gratidão.


17 de dezembro de 2019

Feliz Natal a Todos!


Esta enorme árvore erguida por mãos generosas, é de bençãos  e simboliza a gratidão. Seu significado vale mais que a Prata e o Ouro!
Ela não existe mais dessa forma. Muitos comemoraram através da sua riqueza admiravel, o Natal em comunhão, em união com o outro. Não ficou guardada para esperar o próximo Natal. Ela é dinâmica!
Se transforma em energia quando alguém a consome e permanece adubando a vida quando se torna além de necessária.
Se registra em fotografia quando alguém a  colhe como imagem. Porém, pode lembrar às pessoas, o quanto foi difícil montá-la. O quanto foi trabalhoso construí-la! Quantas coisas aconteceram enquanto isso se concretizava e  segue viva na memória daqueles que tiveram o prazer de observá-la participando e compartilhando um momento. Um Natal vivo! Eterno! E para época, para dias e para anos... Como uma Lua Cheia em Gênesis!
Obrigada pela abundância e desejos de prosperidade.
Feliz Natal para todos nós!

Maria Tereza Penna

15 de dezembro de 2019

A Arte Viva! Viva a Arte!


Hahahahah. A banana está dando o que falar. Gerando possibilidades. Chamando a atenção. E ela está em extinção no planeta. Estão sendo reproduzidas em laboratório para serem preservadas. A Banana selvagem e as outras espécies estão se tornando escassas. Uma arte que tem várias interpretações está divertindo e fazendo pessoas pensarem. Uma ideia genial e só custou 120.000 dólares. E muitos estão ganhando com ela! Quem sabe os biólogos, os agricultores, os dirigentes, além dos artistas possam ganhar com ela? Depende do olho de quem vê. As vezes um quadro na parede não será visto nem pelas pessoas que passam. Nem pelas pessoas da casa que abriga a arte. Valeu! Amei!

PS: A Arte imita a Vida ou a Vida imita a Arte?

13 de dezembro de 2019

A Arte

A arte está em todos lugares e suportes! Não é mais exclusividade de elites ou somente para pendurar nas paredes ou enfeitar espaços, ou atuar em palcos. 
A arte está impregnada nas mínimas atitudes e não é mais privilégio de artistas. A arte se incorporou no Ser... Para ambos questionamentos sobre virtude ou "sanidade". A Arte se torna independente. É Ser é gente e nos diz algo sempre. Bom ou ruim. Nós somos  libertos ou estamos livres para goste ou não 

Surreal

Não estamos num mundo só real. Estamos num Universo Surreal.
Não é cada ação que muda seu destino. 
No Virtual cada palavra muda seu caminho. Cada pensamento dirige seu trajeto.
Várias verdades para uma mesma realidade.


Sobre Vagalumes

Ontem eu escutei sobre vagalumes. 
Porque não aparecem.mais como antes. Como quando éramos crianças. Eu disse que não acreditava em fadas, nem duendes e outros... Mas que acreditava que vagalumes eram.protegidis por entidades... Eu disse coisas que se contradizem. E acordei para escrever sobre vagalumes.
Eu nem vi a lua cheia ontem dia 12...
E pensei a noite inteira sobre os vagalumes... 
Obrigada

3 de dezembro de 2019

Eu fiz isso? Então véi doei de verdade!


Estava grávida, era ano de 1978,  esperando minha  primeira filha quando Cristina Bretas minha amiga de anos,  completa agora 52 anos de amizade, me pediu para criar um cartaz para AMDA. Já estava em trabalho de parto mas peguei um bico de pena. E pedi que colocasse a carta do índio americano abaixo. Sei que venderam milhares de cartazes e essa ulta remessa foi no Silk screen. Fui para o hospital e não tive mais notícias. Aliás a vida se transformara para mim
Doei canetas de nanquim, esquadros, réguas T, pranchetas, tintas, ecolines, papéis, aerógrafo etc. Nos meus 21 anos acreditava que eu agora era Mãe. E que viveria para isso... Santa ignorância... Mas acreditei de verdade. Passados 9 anos, eu entro em um bar e vejo o cartaz: Eu digo: Que lindo! Quem fez? Eu me aproximo e vejo minha assinatura lá. Aí eu exclamou Oh! Oh! Oh! E fiquei calada para que não pensassem que eu era doida. Estava fazendo terapia e contei o caso para o psicólogo. Ele confirmou: Tenho o quadro aqui,.mas terá de me pagar por ele se quiser tê-lo de volta. Claro! Pintei um quadro novo para ele. Troocamos. Se ele não tivesse o quadro, seria mais um a me chamar de louca. Obrigada S.P.A. terapeuta. Creio que ser voluntária seja isso. É nem saber o que fez....Agora sei que venderam 9000 cartazes. E quem sabe eu faço mais ....

14 de novembro de 2019

Os Valores determinam seu Status

E ainda dizem que Pobre não paga impostos! Dizem: Vamos ignorar os pobres! #DamasdeFerro
É isso! A pobreza é o alimento da riqueza! Quanto maior a pobreza, maior a riqueza!
O pior de tudo isso é: Isso me faz pensar em duas reticências:
Ou a pobreza ou a escravidão? AFF mundo cão? Qual dos dois? Creio que a escravidão é a maior das pobrezas e a pobreza é a escravidão dos valores! Os valores determinam seu status, sua condição de... Quo Vadis?

https://www.bbc.com/portuguese/brasil-46624102

13 de novembro de 2019

A Fome Alimenta o Crime


Hehehe. Me lembrei de uma amigo.
Ele estava tentando vender seus produtos. A Cliente estava desde manhã e já eram 18 horas. Meu amigo não havia comido nada até aquele instante, pois a cliente não oferecera. Ela saí e volta da cozinha com um macaquinho no ombro que mantinha uma banana na mão. A cliente passeava de um lado para o outro indecisa. Foi quando meu amigo teve uma oportunidade e roubou a banana do miquinho. Isso é caso verdade... E sempre me faz rir. Adorei o vídeo. Estou rindo a valer...

Todos Somos Nós

Estamos em um ambiente onde pensamos: Ou as Abelhas, ou Nós.
E assim aconteceu...
Não pensamos: Nós e As Abelhas.
Não entendemos que Humanos e Abelhas somos Nós.
Escolhas exclusivas.
E predileção que segrega.
E não aconteceremos até que se inicie:
Todos somos Nós!

Oração para que eu inicie o que não entendo:

Tudo que está é...
Tudo que há tem razão de ser...
Que a vivência me ensine sobre...
Que eu escolha com sabedoria pensando em vida e entenda:
Tudo que existe é gente!

PS: Sobre Vivência
Sobrevivência



12 de novembro de 2019

A Resposta.

As respostas vagam ansiosamente em busca das perguntas.
Está tudo a nossa volta, ao nosso alcance...
Porém percebê-las é a questão que nos aflige.

A Resposta 

Era só isso! O tempo todo ... Todo o tempo.
É isso!
O que um devoto busca em sua caminhada
O Universo responde...
A Fé se traduz em vibrações!
A manifestação da beleza no Ser.
A certeza da presença do sublime em nós.
Religare!

Meu coração se abre à sua voz enquanto as flores se desabrocham.
Para os beijos do amanhecer!
Mas, ó meu amado, para melhor secar minhas lágrimas,
 Que sua voz fale novamente!
 Diga-me que em Dalila você volta para sempre!
 Redis para minha ternura
 Juramentos de antigamente, aqueles juramentos que eu amei!
 Ah!  responda à minha ternura!
 Despeje-me, despeje-me embriaguez!

 Como vemos espigas de trigo ondular
 Na brisa leve,
 Assim estremece meu coração, pronto para se consolar
 À sua voz que é querida para mim!
 A flecha é mais lenta para suportar a morte,
 Qual é o seu amante para voar em seus braços!
 Ah!  responda à minha ternura!
 Despeje-me, despeje-me embriaguez

28 de setembro de 2019

Os Músicos de Bremen

Pensando: Na realidade virtual como são criados os animais? Haverá extinção generalizada ou serão apenas criação da mente humana? Serão descartados a medida que não são mais necessários? Serão somente frutos da criação de seres pensantes? Seres em corpos pensantes? A "supremacia" das "raças" será apenas fruto do intelecto? A vida será somente criação da mente humana? Os animais existirão ou serão extintos na realidade e substituídos por robôs, motores e volantes? Como existirão na realidade? No mundo virtual cabem os animais vivos em corpos e essências?  Ou serão frutos da imaginação?Músicos de Bremen...
#MusicosDeBremen

24 de setembro de 2019

Faça a sua Parte!

Sabemos que novas profissões surgirão! Sabemos que os jovens se tornarão o futuro. Porém não plantem o ódio como estratégia! Não responsabilizem os jovens como justiceiros. Plantem ternura, conhecimento e liberdade de escolhas. Basta de estratégias em prol da estrutura consumista insustentável.
Não responsabilizem os jovens como justiceiros! O que está acontecendo com o planeta? Plantem consciência, plantem atitudes sustentáveis! Chega de práticas tendenciosas e estratégias de marketing financiadas por interesses particulares. O que está acontecendo? Lugar de jovens é na escola livre de preconceitos e  aberta às diversidades. Não alimentem o ódio e nem empoderem justiceiros! Precisamos de consciência e atitudes. Estamos a beira de novas tragédias mantidas pelo apelo consumista insustentável. Vamos pensando... Mais consciência, mais responsabilidade. Se plantarmos consciência colheremos responsabilidades.
Sabemos que temos vergonha de cobrar o que não praticamos, mas a vontade de mudança pode ser a estratégia, não a cobrança justiceira. Linguagem feia. Linguagem que julga e pune sem mostrar ou direcionar para a solução. Fazer é melhor que apontar o dedo! Essa estratégia acaba em tragédia! Plantem poesia e colherão manás! Alimente com vontades de mudanças sustentáveis! Que cara feia! Que coisa questionável! Claro que estamos incluídos nas caras feias! Mas desejo de mudanças atrai atitudes para a concretização e busca de soluções!
Coisa feia! Faça a sua parte. Não fique aí só apontando o dedo!
Se quer mudanças, pratique  atitude! Redundantes argumentos, mas é tipo água mole em pedra dura mesmo! Preciso escutar o que escrevo. Não apenas ler. Estou surda e apontando o dedo para mim!  #CemCulpas Exigir justiça é diferente de empoderar justiceiros!

6 de setembro de 2019

Amo as Pedras Rolantes

Estão todos preocupados com o desemprego.
E os que não são empregados e que tem de matar um Leão por dia para sobreviver? Os que vivem do que sabem fazer de melhor?  Esses que sustentam o país e seus governantes? Esses que pagam impostos em tudo que consomem, que produzem e até para ficar parado? Esses que lutam para manter seus filhos nas escolas e oram para que os professores recebam e que sua prole tenha um "lugar ao sol", algum dia.
Os desempregados deveriam estar solidários a esses que geram renda para serem empregados. Hora alguma escuto falar desses "escravos do desemprego". Hora alguma escuto falar desses corajosos que continuam  sustentando essa máquina que não pode parar. Só incluem o empreendedor, o micro e o profissional autônomo, quando precisam sugar mais.
Esses vão para as ruas oferecerem seus feitos ou se oferecem para que a máquina continue andando. Fazem o  seu melhor, amam o que fazem e que mantém milhares de pessoas empregadas. Esses nunca contam, pois vão continuar sobrevivendo sem as peripécias dos governantes e dos que ocupam a máquina por ter apoiado algum daqueles que hoje estão testando seus poderes.
Os que são os independentes e acreditam, são os que realmente dão uma Banana para esse sistema de coisas que está aí.
São os verdadeiros "Revolucionários" .
Os não assalariados do Poder Público. Do dinheiro público.
Parece que todos esperam ingressar na vida pública e inflam, engessam a máquina que só  faz pagar e sugar.
Onde está a Educação? Educação para todos?
E os privilégios? Já estão somando quanto essa justiça e esses "prestadores de serviço" que se julgam donos do país e prometem barbáries aumentaram seus salários?
Retiraram da educação e da saúde para enfiarem no bolso.
Você aceita trabalhar para eles?
As empresas insustentáveis serão seus patrocinadores?
Quando, e principalmente brigamos por saúde escutamos:
-Vai pra Cuba!
Quando reivindicamos direitos, nos  humilham: - Vão pra Bolívia!
A toda hora nos mandam para algum lugar e fecham as portas.
E esses que estão sobrevivendo às próprias custas, sem contratos ou segurança e são vistos como "à margem" geram bilhões na incerteza da vida
Se recusam a viver na criminalidade do colarinho branco e das megas empresas insalubres e insustentáveis.
São os artistas na e da vida.
Não são reconhecidos nem incluídos. Vivem na marginalidade.
É por isso que amo os Rolling Stones. Foram pra Cuba sem ninguém mandar. Foram e deram seu recado.
Cantaram e dançaram com os retaliados. E aí de quem abrisse a boca!
Alguns rolam, outros usam o corpo para rolar!
Estão todos preocupados com o desemprego. E os que não são empregados e que tem de matar um Leão por dia para sobreviver? Os que vivem do que sabem fazer de melhor?  Esses que sustentam o país e seus governantes? Esses que pagam impostos em tudo que consomem, que produzem e até para ficar parado? Esses que lutam para manter seus filhos nas escolas e oram para que os professores recebam e que sua prole tenha um "lugar ao sol", algum dia.
Os desempregados deveriam estar solidários a esses que geram renda para serem empregados. Hora alguma escuto falar desses "escravos do desemprego". Hora alguma escuto falar desses corajosos que continuam  sustentando essa máquina que não pode parar. Só incluem o empreendedor, o micro e o profissional autônomo, quando precisam sugar mais.
Esses vão para as ruas oferecerem seus feitos ou se oferecem para que a máquina continue andando. Fazem o  seu melhor, amam o que fazem e que mantém milhares de pessoas empregadas. Esses nunca contam, pois vão continuar sobrevivendo sem as peripécias dos governantes e dos que ocupam a máquina por ter apoiado algum daqueles que hoje estão testando seus poderes.
Os que são as independentes e acreditam, são os que realmente dão uma Banana para esse sistema de coisas que está aí.
São os verdadeiros "Revolucionários" .
Os não assalariados do Poder Público. Do dinheiro público.
Parece que todos esperam ingressar na vida pública e inflam, engessam a máquina que só  faz pagar e sugar.
Onde está a Educação? Educação para todos?
E os privilégios? Já estão somando quanto essa justiça e esses "prestadores de serviço" que se julgam donos do país e prometem barbáries aumentaram seus salários?
Retiraram da educação e da saúde para enfiarem no bolso.
Você aceita trabalhar para eles?
As empresas insustentáveis serão seus patrocinadores?
Quando, e principalmente brigamos por saúde escutamos:
-Vai pra Cuba!
Quando reivindicamos direitos, nos  humilham: - Vão pra Bolívia!
A toda hora nos mandam para algum lugar e fecham as portas.
E esses que estão sobrevivendo às próprias custas, sem contratos ou segurança e são vistos como "à margem" geram bilhões na incerteza da vida
Se recusam a viver na criminalidade do colarinho branco e das megas empresas insalubres e insustentáveis.
São os artistas na e da vida.
Não são reconhecidos nem incluídos. Vivem na marginalidade.
É por isso que amo os Rolling Stones. Foram pra Cuba sem ninguém mandar. Foram e deram seu recado.
Cantaram e dançaram com os retaliados. E aí de quem abrisse a boca!
Alguns rolam, outros usam o corpo para rolar!

5 de setembro de 2019

Realidade

https://twitter.com/xavierkatana/status/1169598524859850755?s=09

17 de agosto de 2019

Assim Nascem Estrelas

Uma estrela cadente caiu no solo escuro. 
E desabrochou uma árvore que deu frutos e espalhou sementes para os céus. Da série: Assim nascem as Estrelas! Conte histórias para corações carentes de belezas sinceras.

Não

25 de junho de 2019

Utopias Sim! Demências Não!

Outro dia apareceram na minha postagem pessoas que vieram com acusações e com a finalidade de julgar ou defender governantes e políticos. 
Perguntaram onde eu estava nos governos anteriores que deixei a Amazônia ser devastada. 
Defendendo o governo atual. Defendem erros justificando com outros erros. 
Outro me acusou de comer carne. 
Mas bebe cerveja industrializada e come veneno nos vegetais.
Argumentou que o rebanho solta gases na atmosfera.
Na hora eu sorri dentro do meu espaço virtual que acreditava ser privativo.
Me lembrei na hora dos músicos de Bremen. Oras, onde tem o maior rebanho do mundo deve ser o maior parceiro da poluição então! Deveria pagar por deixar rebanhos crescerem.
Bom, pensei: Na evolução natural o ser inteligente nascerá com chifres e com rabo! Eu gargalhei sozinha!
Agropecuária! Venenos é o que estamos absorvendo.
Não criar animais confinados para alimentação, não comer carne, plantar orgânicos sem agrotóxicos, depende de educação e cultura voltada para a preservação do planeta, da consciência e da evolução do ser humano. Não de imposições, acusações ou julgamentos.
A Amazônia é fruto de um manejo milenar sustentável.
Pessoas plantam e caçam para sobreviver.
Comem vegetais e carnes
Natureza é Equilíbrio.
Julgamentos com embasamentos em crenças que aconteceram em épocas e situações diferenciadas se tornaram dogmas precisam ser revisados !
Pessoas usam bolsa de couro, de plástico e malas com metais. James Bond veio para ficar ...
Hehehe. Dizem: Você come carne não é mesmo?
Mudanças para a sobrevivência sustentável precisam sair de atitudes que respeitem a natureza e a sobrevivência.
Não imponham suas crenças e muito menos suas culpas! Utopias sim! Demências não
E AFF! Coloquei no Imperativo!
Estou doente com tantos argumentos e com a invasão da privacidade.
Imperativamente doente: Digo Não!

22 de junho de 2019

Renascer Constante

Renascer Constante
Maria Tereza Penna
Quando você descobre que já perdeu tudo...
Perdeu coisas essenciais...
Já perdeu poesias, poemas, imagens e sinfonias que vinham para você em sonhos adormecidos ou vívidos.
Se esqueceu de desejos, propósitos e inspirações.
Aí então, é que você descobre que cada vez mais, tem menos coisas a perder.
Vai deixando pela estrada, experiências e vivências que não te servem mais.
Ficando nu diante de si mesmo e até dos que se aproximam.
Começa a pensar que está se desviando da “sanidade”.
A ilusão te perturba, incomoda e às vezes machuca.
Deseja coisas diversas.
Não aceita as realidades que se descortinam diante dos seus olhos incrédulos.
Você se percebe um estranho no ninho e se culpa pela impaciência com o outro.
Percebe que já é hora de buscar novos caminhos e se reciclar, ou encontrar novos rumos para seguir.
Você pensa que está tudo acabado e quer desistir...
Que não vale mais a pena essa existência e sobreviver diante dessa verdade, não te interessa.
Porém, acontece algo que te consola e sussurra:
-“Você só perde aquilo que conheceu ou conseguiu. O único aprendizado que importa é a busca”.
E você acredita na vibração do som que diz:
-“Coragem para continuar é a nossa meta neste mundo de desistências e acomodações.”
Renascer igual mito de ave fabulosa!
Renascer em brilhos dourados que pecam pela inocência e não pela vicissitude.
Fênix, Fenghuang ou Constelação de Estrelas...
Seja lá o nome que escolher nas diversidades, estará optando por retornar e se recompor.
Refazer-se e voltar para fazer de novo. E de novo e de novo e para sempre...
Não desistir, é o que nos torna seres viventes, sobreviventes em natureza e espírito.
E para épocas, e para dias e para anos em Gênesis por toda a eternidade.
Compromisso além do tempo e das eras.
Ciclos, períodos, além de momentos nas alturas.
Existe água em Marte? O asteroide Apóphis pode atingir a Terra em 2036?
Pouco importa se a vontade persiste.
Pouco importam as premonições e previsões, se a fé e a esperança se perpetuam na essência.
É o que precisamos para seguir perenes na crença.

É Superação no Universo das Verdades.

18 de março de 2019

Sobre Vivência

Castro Alves
Alphonsus Guimarães
Baudelaire
Lorde Byron
Oscar Wilde
Machado de Assis.
Não deixem que vedem meus olhos ou Anestesiem minha alma
Não quero uma horda entorpecida
Desejo vida capaz

15 de março de 2019

Sem Maria


Haverá, na próxima geração, um método farmacológico de fazer as pessoas amarem sua servidão e produzirem ditadura sem lágrimas, por assim dizer, produzindo um tipo de campo de concentração indolor para sociedades inteiras, de modo que as pessoas terão de fato suas liberdades tiradas delas, mas preferirão apreciar isso, porque elas estarão distraídas de qualquer desejo de se rebelar por propaganda ou lavagem cerebral, ou lavagem cerebral aprimorada por métodos farmacológicos. E esta parece ser a revolução final. *

ALDOUS HUXLEY (1894 - 1963), escritor inglês.

*_ trecho de discurso proferido em 1961 no Grupo Tavistock, California Medical School.
_______________________________________________________________________________

As Quotes que manipulam já existem a milênios. Sempre existirá os que sentem conforto na escravidão.
Porém eu pergunto: O que é "Servidão"? O que será a sobrevivência? O que é Ser Humano? E a sociedade das Abelhas? E a Rainha? E as operárias? O que será esse mundo de espécies? Serão fêmeas? 
O Zangão? E ainda pergunto: O que é Servidão?
E alguém acredita e exclama com um copo de cerveja na mão: Eita Ser! Que Vidão sô!
Então... Seguimos em frente..
AFF!... Sem Maria...

Nosso Senhor


Estou acreditando que sempre estaremos a serviço de um Senhor.
Nem que seja a serviço de algo que transcende.
O mais cruel deles é o implacável Ego.
Este sim, nos escraviza e nos impõe metas absurdas
E na maioria vezes inconsequentes.

14 de fevereiro de 2019

Agradecendo a Vida - Lemniscata.

"Madre Tereza de Calcutá, dotada de refinado senso de humildade e compaixão, acertou ao dizer que não há pobreza maior do que a falta de amor. De fato, grande parte de nossas decepções e desenganos está relacionada diretamente à pouca quantidade de amor que tem sido oferecida, pela maioria das pessoas."
Por Fãs da Psicanálise no Facebook

Nossas decepções são causadas por nossas expectativas com relação ao outro, na relação com o mundo.
Nossas frustrações são geradas pela nossa crença de que a "gratidão" é o princípio da fé.
Os Mestres nos ensinam que se praticarmos o amor esperando ser reconhecidos como beneméritos, não estamos distribuindo ou nutrindo, apenas atuando.
Não importa quantidade de amor. Não importa volume ou densidade. Não importa o quanto você se dispôs ou se entregou.
Se o outro não se sentir amado, nada do que ofertar será suficiente.
Se a falta de amor é a causa dos males, a ausência de sentimentos é a pior das doenças.
Não se sentir amado é o maior transtorno que um ser pode vivenciar.
Mesmo que todos, que tudo, que o Universo o ame, nada será suficiente para satisfazê-lo.
Não é culpando, assimilando culpas que mostraremos que o amor está presente.
Medindo a quantidade de amor estamos alimentando a pobreza e a miséria da alma que espera sempre por mais.
A existência começa pela meiose. Pela bipartição do UNI.
Parece que o Universo se diverte com a linguagem binária, fazendo com que busquemos respostas constantemente, entre o nada e o tudo. Símbolos do infinito deitado: 8 ou 80.
A resposta está em se sentir pleno. repleto, satisfeito. Não somente grato. É você com você mesmo. Amando e sendo amado. Compartilhando as manifestações do existir e de se ofertar.
A doação só pode ser verdadeira na abundância. O Amor incondicional, é aquele capaz de nascer do princípio e do fim.
Essa é a magnitude e a verdadeira experiência  de se sentir completo.

Minha última oração:
Que eu me sinta amado
Que o outro se sinta amado.
Que o Universo nos ame
Que todos nós sejamos amados

Aceitação para que o Universo se complete e se recrie proporcionando a vida e a morte em ciclos eternos.




8 de fevereiro de 2019

Estado de Lama!

Ordem
Ordem!: Saiam de suas casas!
Estamos mandando! Ou saiam ou morrem! Mãos e rostos abaixo? Olhar no chão! Vão indo! Caminhem! Vão! Vão. E não olhem para trás! Senão virarão estátuas de lama! De sal? Já era? Andem Andando!....
Isto não é Estado de Sítio! Isto é Estado de Lama!

29 de janeiro de 2019

Poeta Pelego

Não gosto de você poeta pelego que trabalha no poder público e finge que se importa.
Não gosto de você pelego que se vendeu por emprego e enlameou a alma.
Não gosto de você poeta pelego que está a toda hora se mostrando nos vídeos.
Não gosto de você poeta pelego que faz poesia com dinheiro público.
Não gosto de você poeta pelego que recebe dos que ignora o genocídio.
Não gosto de você poeta pelego, que para não perder o emprego trai seus carentes leitores.
Não gosto de você que finge para sobreviver
Não acredito em quem não está no que assina!


Abelhar

Sempre as abelhas.
Sempre a Cultura
Não o cultivo
Sim, a Sobre Vivência
A Arte do Fazer
Viver Fazer
A importância da vida
Permanência na abundancia
Fartura que excede
Para além do necessárissario
A doação que adoça e pune.
Com um golpe mortal o generoso.
Que mantém a eternidade
Na doce constância
Do mel que escorre e abastece
A Comunidade sem ismos.

O Rio que Corria

Vieram ver
O Açúcar no olho que não enxerga
Vieram ver...
A cana no Nordeste que agoniza
Em brilho d'ourado de Grau em Coma
Precisavam ver de perto
Para aprenderem a sentir na consciência
Na carne que apodrece
Em um deserto de um Rio Morto...
Devorado pela lama

Desvio do Destino...

Eu acordei... Com sentimentos



Eu acordei!

Eu acordei com vontade
De seguir sentimentos
Acordei a tempo
De Fazer
Poema ao vento
Acordei no tempo
Do Prazer
De Fazer ao vento....

#MTP
#MT

19 de janeiro de 2019

Prioridades?

https://exame.abril.com.br/brasil/ministra-quer-abrir-terras-indigenas-a-producao-agricola-comercial/

É só isso que poderiam fazer em terras indígenas? Nas terras que ocupariam irregularmente? Vejam o que fizeram no nordeste com a cana de açúcar nos séculos VII e VIll. A história é bem clara e se vangloriam disto! Veja o que o nordeste se tornou? Todos sabem quem foram esses senhores que abasteceram o mundo com o açúcar.
Porque repetir os erros? Os índios não trabalharam para eles. Não se deixaram escravizar. Trouxeram os negros para o trabalho escravo. Tomaram as terras indígenas e fizeram delas um imenso deserto. Até hoje os brasileiros pagam por isso. Estão desviando o Rio São Francisco por isso. O açúcar só fez mal ao mundo. Precisamos evoluir. Menos açúcar hoje é a premissa. Não aprendemos nada? Porque tomar as terras e obrigar os índios a trabalharem  nelas? Não existe a Economia Criativa? Sei que tudo que fizermos vai impactar, mas existem alternativas melhores. Plantar para sobreviver é uma coisa, para abastecer Ceasas é outra. Agricultura sustentável e para a sobrevivência é uma coisa, exploração da terra para atender grandes mercados é outra. Não existem terras de latifundiários obsoletas, só para posse sem planejamento sustentável? Não existem outras terras da União sem planejamento para produção sustentável? Porque essa urgência?
Estou pensando sobre. Ainda não li. Tenho tantas coisas para pensar. Tantas urgências particulares que não raciocino mais sobre essas premissas. E me pergunto? Por que? Por que? Por que estão acontecendo todas essas coisas. Com tantos problemas mais urgentes?
Com tantas coisas acontecendo, com tantas terras sem produzir nas mãos de poucas pessoas, de uma família? Não podemos obrigar pessoas a mudar seu modo de vida. Obriga-las a  eceitar nossa religião pelo medo dos nossos pecados.
Isso digo, para que eu escute a mim mesma. Para que eu não me torne pior do que já sou. Para que eu continue humana, pois as vezes a lucidez me faz perder a sanidade.
Por que? Por que? E eu ainda nem li o que diziam os apertos de mãos e dedos levantados destes personagens retratados na foto.
Acho que essas fotos, essas manchetes estão chegando até nós para nos inundar do ódio e do preconceito.
Não sei mais o que pretendem, pois nem eu mesma sei como me manter como gente e como ser humano.
Não sei mais... Vou reaprender pensando...
Vou reaprender a amar pois perdi a mim mesma.... Me perdi nas redes das tramas das ganância e da prepotência. Da intolerância e do Ego grande que é a fonte dos ísmos
Preciso me perdoar...

Amém.

6 de janeiro de 2019

Espero por Asas


30 de dezembro de 2018

Navegar é Preciso

http://www.mineiridadeempencas.com.br/2010/02/fazer-viver.html?m=1

O grande Privilegio é Fazer... Privilegio do Ser é Fazer!
Navegar é preciso, Viver não é preciso. A vida é preciosa demais! O sábio imperativo: Busque!... 
A proposta é a busca... A eterna dádiva para se manter realmente vivo. A Felicidade está na busca... Na liberdade da Escolha. 
Eu não tenho religião, porém amo a maior dádiva que poderíamos receber: O livre arbítrio. Está em Gênesis. A responsabilidade da liberdade. Não o cerceamento ou ideal de liberdades... O conceito, a convicção,  são princípios onde se constituem as Leis necessárias para a sobrevivência em sistemas sociais, ou seja: Em Sociedade, 
O princípio da Natureza é a heterogeneidade. 
O Convívio com o Divino é a aceitação da diversidade, não o julgamento ou a imposição de valores. 
A Arte é Ágape
Ler It Be!

27 de dezembro de 2018

Na Morada de Piripiri

Amanheci com formigamento...
Coçando as mãos e o nariz.
Um desejo incontrolável de colocar as mãos na terra ...
Era uma comichão!
Afundar e fincar os dedos no solo e Ir até onde a distância permitisse.   
Come Chão mesmo... Aquela fissura que as grávidas sentem e devoram coisas de barro e as crianças colocam terra na boca.
Vontade de plantar algo que se adaptasse ao solo como raiz de Pripioca.
Tão perfumada que encantasse Piripiri e ele nunca mais se fosse.
Ir atrás do perfume do guerreiro meio material e meio espiritual que me enfeitiçou com magia pura...
Eu já havia amarrado os pés do "Perfumado" com cabelos em noite de Lua Cheia. Já havia feito loucuras para mantê-lo por perto.
Ele, Piripiri, esperto que é, fugiu sorrateiramente à noite e virou Arapari. Constelação de estrelas chamadas Mintaka, Alnilan e Alnitak.
Sempre acreditei serem nomes femininos representados pelas Três Marias.
Piripiri, a fim de não trazer o ciúme para dentro dos corações das donzelas que o assediavam apaixonadas, escolheu sabiamente como nomear as  deidades.
E após se dissolveu...Virou fumaça...
Porém deixou algo para nos consolar: As raízes da Piripri-oca. «Morada de Piripiri».
Aroma que entontece, inebria em banhos que curam a alma doente da saudade de algo que nunca conheceu.
Bálsamo, olor, essência que recende ambiência inundando além dos sentidos.
Poção mágica de sedução e sorte.
Aroma de inicio e fim de mundo...
Mari Thererè
Maria Tereza Penna

Texto criado para a Antologia Brasil Conto por Conto elaborada por Angela Mota

https://www.facebook.com/Lan%C3%A7amento-do-livro-Brasil-Conto-Por-Conto-1495628343893067/

15 de dezembro de 2018

Direito de Pensar e "Despensar"


Melhor clicar no link
Porém:
Pensar sempre... Questionar, 
As respostas estão em todos os lugares vagando atrás das perguntas. Então vamos pensar sobre: Direito de pensar e "despenaar"...O direito da humanidade para a liberdade 
O direito da escolha. De ser livre para escolher. A  educação para a busca nos permite essa liberdade.

Ainda bem que não estão lendo o mesmo livro!
Assim eu acredito e anseio 
Não é uma doutrinação, não é mesmo??
Espero que seja escolha  ou opção!

Existem vários suportes para a leitura.
Inclusive o celular.
Existem vídeos, jogos, que poderiam ser educativos. E alguns realmente são. O que eu questiono no celular é ser um universo onde se excluem e incluem relações do mundo real e também promove aproximação de ideias afins. O nosso aprendizado é a busca. As respostas estão vagando a espera de perguntas. E na foto, o isolamento individual é o mesmo que o celular proporciona. Livros são mundos, espaços virtuais tanto quanto celulares. O que precisamos é aprender e apreender o conhecimento que a generosidade do compartilhamento proporciona.
A "solidão"  recheada de relacionamentos virtuais. Tanto o livro como o celular são suportes para a disseminação de ideias, sentimentos e valores. Escolas.

30 de novembro de 2018

Poesia no Pano

Bom dia!
Eu ontem cortei um vestido maravilhoso para fazer 3 peças.
Três peças que não fazem justiça ao vestido Porém eu tive a coragem!
Aprendi muitas coisas.
Quando escutei:  Ching Ling, eu disse brincando:
- Ching Ling não!
Minha filha mais nova só assistia novela coreana, sente muita atração por orientais e tem 1,80 de altura e só namora baixinhos , bem baixinhos que têm cara de oriental. Está no ramo certo. Fé ciências da computação.
Eu ri muito. Porém fico me preocupando se foi uma piada de mau gosto uma brincadeiraque fiz com ela em frente aos participantes.
Ouvi algo inteligente: Ela é que é muito alta, nsobos namorados.
Vou me policiar daqui para a frente
A arte, a moda no caso, é uma forma de expressão inclusiva. Une todas as culturas. O que se coloca no corpo, pode ser sagrado.  ou pode ser o que se tem para se cobrir ou alimentar.
Precisei cortei uma peça perfeita e agora preciso recobstruí-la. Ou pesquisar como fazer para que não seja um desperdício.
Creio que expus a minha filha criando uma imagem grotesca. Pensar antes, é o aprendizado.
Aprendi que orientais, negros, brancos e índios são criadores por excelência.
E que o que se coloca no corpo é extensão do mesmo e é cultura pura. O poder deaescolha, de misturar culturas e cobrir a pele é algo libertador e sublime
E eu cortei uma peça perfeita... Completa, buscando uma solução...
Não sei o que eu fiz, mas a vontade de fazer ou criar  algo que seja agradável e útil, é mais forte agora do que a vontade de solucionar algo que já ligava feio ou imperfeito. O que não é belo aos meus olhos, pode ser o melhor que outras pessoas ou outros seres possuem.
Pensando muito...
Isso não quer dizer que eu não tenha o direito à emoções e aos sentimentos intensos que provocam a vontade de rasgar roupas. Não vou rasga-las. Porém posso imagina-laa rasgadas...
E que também "panos", contam muitas histórias.
Rasgados, remendados, limpos, sujos, coloridos bordados com poesias de rendas e pedrarias escritas à mão, sobre a restauração de fibras feitas com aa leveza de um papel de seda, ou de uma rude trama de algodão, são ambos confeccionados com riquezas de alma e nos traduzem sonhos,  anseios e sagas.