11 de outubro de 2013

COCO MACAÙBA


Agronegócio

Patos de Minas sediará congresso

Evento tem como objetivo agregar conhecimentos técnicos sobre a cultura .
  A consolidação da cadeia produtiva da macaúba será o centro dos debates do I Congresso Brasileiro da cultura, que acontece de 5 a 7 de novembro de 2013, no Centro Universitário de Patos de Minas (Unipam), no Alto Paranaíba. O evento tem como principal objetivo agregar os conhecimentos técnicos e científicos sobre a cultura no Brasil e no exterior, visando à obtenção de subsídios para a consolidação da cadeia produtiva dessa espécie no país.

As discussões foram organizadas em oito sessões, com três a quatro palestrantes cada, que irão debater o histórico, perspectivas e aspectos legais, o extrativismo, os projetos e experiências nacionais e internacionais com a cultura, a biologia e sistema de produção, o melhoramento e domesticação, processamento agroindustrial e aplicações e por fim, o plano de diretrizes para a cadeia produtiva da macaúba.

Do Brasil, apresentarão palestras, entre outros, representantes das universidades Federal de Viçosa (UFV) e de Minas Gerais (UFMG), da Secretaria de Estado de Agricultura Pecuária e Abastecimento (Seapa/MG), do Instituto Brasileiro dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e dos ministérios da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e do Desenvolvimento Agrário (MDA), entre outros órgãos e instituições.

Na parte internacional, serão apresentadas palestras sobre a experiência da Alemanha e do Paraguai. No país europeu, está ocorrendo pesquisa para incrementar a cultura para a produção de óleo especialmente para o biodiesel. No Paraguai, a macaúba já é uma cultura tradicional usada para produção de óleo. Em maio deste ano, pesquisadores da Universidad Nacional de Asunción (Una), estiveram na Embrapa Agroenergia quando foram articuladas ações de cooperação técnica com foco principal no aproveitamento total da macaúba.

"Os mesmos temas das sessões também são as linhas para envio dos trabalhos", diz a pesquisadora da Embrapa Agroenergia e coordenadora do comitê científico, Simone Fávaro. Os interessados em participar com trabalhos científicos podem envia-los até o dia 10 de outubro.

O Comitê Científico receberá, para avaliação e distribuição em formato digital, trabalhos técnico-científicos na forma de resumos expandidos e de acordo com as instruções apresentadas no link do evento no site do Mapa.

Diário do Comércio

Nenhum comentário:

MINHA FORTALEZA


VOLTA PRA MIM!!!
MESMO QUE ESTEJA EM OUTRA DIMENSÃO!!